domingo, 17 de abril de 2016

urbana blue



urbana blue

meu corpo entre automóveis e bicicletas
não sei direito o que move minhas pernas
não sei esquerdo o que move meus sentidos
meu filho toca sua banda
num Rio de desespero
meu amor voou pro norte
aqui na janela um vento sul
procuro a minha lira no tempo
do relógio que morde os ponteiros
da medula
na bula de remédio afasto o tédio
e aumento o som do sepultura

Artur Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário