segunda-feira, 1 de agosto de 2011

GREVE DOS PROFESSORES DE CAMPOS NESTA SEGUNDA


fonte: blog do Fernando Leite
 
Na assembleia do dia 05 de julho a categoria da rede municipal da educação aprovou paralisação de 72h nos dias 01,02 e 03 de agosto. A decisão da asembleia é soberana e, contou com a presença de aproximadamente 500 profissionais de educação.

Na paralisação do dia 05 de julho a adesão foi de 85% da categoria e, a expectativa é que este índice se confirme nas 72h de paralisação como demonstração de força e mobilização da educação para o atendimento às suas reivindicações a despeito de quaisquer intimidação do governo municipal através das diretoras indicadas e, que fazem parte da base do governo.

Nos dias 02 e 03 está previsto o curso promovido pela SMEC que, antes cada professor recebia 3% em seu salário a cada 40h e, hoje o índice foi rebaixado para 1% e, para atingir os 3% é necessário participar de 120h de curso. Assim sendo, a categoria não se apresenta disposta a aceitar isso. Na alteração do PCCS, o SEPE conseguiu negociar que este índice passasse para 2% entretanto, o governo municipal não encaminhou as alterações para serem votadas na Câmara dos Vereadores numa demonstração clara da falta de compromisso com a educação. Neste sentido, não há sentido a participação no curso previsto para os dias 02 e 03 de agosto. É paralisação.

Dia 03 de agosto grande ato público e assembleia da categoria na Praça São Salvador, às 14h. A expectativa é que o número de profissionais presentes no dia 03 de agosto seja superior ao do ato anterior.

Juntos somos mais fortes!
Ousar lutar. Ousar vencer!

Fonte: guardasdecampos.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário